quinta-feira, 9 de outubro de 2014

Adeus Amor

 
Adeus Amor
 
Flor menina tão querida
 Nunca mais penses em mim
 Vou sair da sua vida
 Pois a vida quis assim
 Vou chorar a realidade
 Nas esquinas da saudade
 No começo do meu fim.
 
 Mas não chores vida minha
 Tenhas sempre na memória
 Dentre todas és rainha
 A beleza é tua glória
 Dá-me Adeus e um abraço
 Pois aceito o meu fracasso
 Pra fazer tua vitória.
 
 Brisa mansa que me afaga
 Ameniza o pranto meu
 No horizonte o sol se apaga
 Como a luz dos olhos teus
 Ouço ao longe Ave-Maria
 Cai a tarde em agonia
 No meu último adeus.
 
 Adeus minha doce amada
 Linda flor da natureza
 Seguirei minha jornada
 Pelos mares da incerteza
 Levarei comigo sempre
 O meu peito sorridente
 Carregado de tristeza.
 
 Adeus vilas, adeus flores
 Adeus tardes de calor
 Adeus parque dos amores
 Sonho azul encantador
 Como dói a realidade
 Oh meu mundo de saudade
 Para sempre: ADEUS AMOR

Em memória de Joaquim Ferreira da Ponte (1951/2008)




quarta-feira, 1 de outubro de 2014

Amor por Computador

 
Amor por Computador
Desconhecidos, eram duas almas
Que agiam e pensavam iguais.
Destemidos, não havia como impedir o
Encontro entre esses tais.
Imaginativos, podiam ser os dois que viviam
Em lugares distantes.
Impulsivos, são para sempre um do outro
Como eternos amantes.

A história deles ainda será
Contada um belo dia,
De como havia sido encontrada
A grande alegria,
Através de uma tela de computador, acredite,
Aprenderam sobre como é o amor, não evite.

Todo o suspense em virtude de nossos atos.
Quando se encontrará,
A verdade que surgirá.
Tomo a primeira atitude, os primeiros passos.
Onde vamos nos encontrar,
O destino não pode tardar.

Alguém está andando?
Nosso tempo está passando.
O que estou falando?
Nosso tempo está passando.
Algo está faltando?

Nosso tempo está passando.
Tempo de amar,
Tempo de querer,
Tempo de alegrar,
Tempo de te ver.

Desconhecidos, não mais serão,
Tudo será lindo,
Amados, em todo o nosso bem,
A vida será linda.
Depois desse amor por computador
Nada mais será real e sim especial.
 
D.A.


Ah Este Amor



Ah Este Amor
De onde vem essa força que
me prende a seus olhos?
Para onde vão esses prantos
que por você eu choro?
Que fazer para obtê-lo por um momento?
Como fazer para tirar sua imagem
doce do meu pensamento?
Como perder-me por um instante
em seus cabelos?
Como fazer você responder
aos meus apelos?
Meus olhos cantam uma
canção de amor por ti,
canção que nem no mar jamais ouvi.
Se eu pudesse tocar seu rosto
em meio à chuva
e lentamente tocar seus lábios
dóceis e quentes,
tocar seu corpo e nos seus braços,
fechar os olhos lentamente...
Sei que não adianta dizer mais e mais poesias,
pois nenhuma delas explicariam você.
Só me resta fechar os olhos e te esquecer,
meu coração deixar chorar, deixar sofrer,
e em meu peito sua imagem,
aos poucos, deixar morrer...

D.A.

quarta-feira, 24 de setembro de 2014

Amor de Outro Mundo

 
Amor de Outro Mundo
 
DE REPENTE CONHEÇO VOCÊ
 ESCONDIDA NESTA MULTIDÃO
 MEU AMOR QUE ERA POBRE ATÉ ONTEM
 HOJE É RICO, É AMOR, É EMOÇÃO
 QUANDO DIGO QUE ÉS MINHA VIDA
 É PORQUE SEM VOCÊ NÃO SOU NADA
 AQUI DENTRO SECOU A FERIDA
 MINHA DOR JÁ SÃO ÁGUAS PASSADAS
 QUANDO VOCÊ ME TEM
 EU SAIO DESTE MUNDO
 E VOU MAIS ALÉM
 ONDE TUDO É MAIS PURO
 E O AMOR MAIS PROFUNDO
 SOU FELIZ COMO NINGUÉM
 SE É SONHO EU SÓ QUERO SONHAR
 NÃO ME ILUDA POIS EU POSSO ACORDAR
 TÁ REAL AQUI DENTRO DO PEITO
 A TRISTEZA É SE TUDO ACABAR
 COM VOCÊ AO MEU LADO EU VOU FUNDO
 ME ENTREGANDO LHE DANDO PRAZER
 DESCOBRINDO ESTE AMOR DE OUTRO MUNDO
 QUE ME ENVOLVE E QUE ME FAZ VIVER
 QUANDO VOCÊ ME TEM
 EU SAIO DESTE MUNDO
 E VOU MAIS ALÉM
 ONDE TUDO É MAIS PURO
 E O AMOR MAIS PROFUNDO
 SOU FELIZ COMO NINGUÉM

 D.A.


Seu Amor Incondicional Me Encanta

 
 
Seu Amor Incondicional Me Encanta
 
Custa-me ainda acreditar que alguém me amaria desse jeito intenso e especial. Você entrou na minha vida tão delicadamente que quando dei por mim já estava totalmente encantada por tudo que vinha de você, do sorriso às mais belas palavras.

Nosso amor sempre caminhou em direção ao crescimento, hoje consigo perceber a real definição do amor incondicional e por tudo isso eu agradeço imensamente a você. Meu suporte para todas as necessidades, sua presença completou em mim todos os espaços vazios e sem vida.

 Me encanta sua forma única de me amar e tenho sempre comigo em pensamento, cada jeitinho seu de demonstrar sua dedicação e carinho por mim. Com você aprendi o estado mais lindo do amor, aquele sem precedentes, repleto de muito afeto e admiração.

 Espero retribuir cada gesto recebido e todo o amor que um dia já me foi dado. Saiba que também amo você incondicionalmente e pretendo passar o resto da minha vida ao seu lado.
 
D.A.


sábado, 20 de setembro de 2014

Saudade....

 

Saudade....

 
  
Chegou a hora de dizer adeus, definitivamente, a este cantinho... Que carinho especial eu tenho por ele. Aqui entrei há 5 anos atrás, numa das fases mais difíceis da minha vida, após a morte do meu querido pai. Nunca imaginei o que iria viver neste espaço. Aqui reencontrei pessoas que já tinha por perdidas... Aqui amei muito, sorri, sofri, chorei... Conheci corações como o meu que me ajudaram, com as suas palavras, a ultrapassar momentos menos felizes. Fiz amigos e amores que levarei para sempre no meu coração, na minha alma sonhadora...
Deixo aqui o meu último poema que representa muito do que sou e do que aqui vivi. Perto ou longe, que a vida vos sorria a todos vós, queridos poetas que, como eu, têm uma maneira diferente de sentir este Mundo... Que a nossa "Lua" continue "Verde"....Sejam muito felizes!
 
 
Saudade

A minha saudade tem cor e cheiro
Tem sonho, momento, pele de criança
É vida a pulsar numa lágrima de lembrança
Uma bola de sabão num carrossel de pujança

A minha saudade tem voz, melodia
Embalo de velhinho, num coração a nascer
Uma história contada, tecida nos nós da vida
Um berço debruado no sorriso do amanhecer

A minha saudade tem o mel da descoberta
O primeiro beijo nas asas de um sonho menino
Um toque, um perfume, um corpo tão puro
Duas almas a dançar num poema a dó maior

A minha saudade tem o toque de dois ventres
Duas fontes de cristal a quebrar o entardecer
Lágrimas limpas em lagos de ternura
Brincadeiras sem sentido num mundo por medida

A minha saudade lembra ondas de cetim
Uma ilha, um porto, seguro num olhar
Ternura, magia, no último acreditar
De quem tem fé num mundo por inventar

A minha saudade é um rio preso nos teus olhos
Um furacão que se rende, um tumulto de sentidos
Uma dor que massaja num desalento da alma
Num sabor a fogo dos sonhos não cumpridos

Lua-Verde
 
 
 
(postado por Astrid)


Meu coração sofre

 
Meu coração sofre
 
 Meu coração sofre de saudades,
saudades do tempo onde o tempo não tinha fim,
saudades do teu sorriso que rompia a madrugada e eramos felizes.
tenho saudade da sua voz falando baixinho nos meus ouvidos
dizendo que me ama, tenho saudades dos momentos
onde assustada você perdia a hora de ir embora ,
tenho saudades do teus beijos dos teus lábios quentes juntos aos meus.
tenho saudades de você, de tudo quanto o tempo nos fez felizes, saudades...
 para sempre terei saudades de você.
 
joaobala